---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

História do Município

Publicado em 12/11/2013 às 10:21 - Atualizado em 05/06/2014 às 09:40

Os primeiros habitantes do Município foram as famílias de João Reichardt, José Wiergenawski e João Becker que chegaram à Itaiópolis, por volta de 1889. Posteriormente, chegava à localidade de Rio Negro/PR, cinco mil imigrantes poloneses, por conta e proteção do Governo Federal, permanecendo durante alguns meses, recebendo auxílio e alimentos, transportando-se depois, rumo ao local onde se localiza a sede municipal do Município. Em 1890 fundaram, com mais três famílias do lugar, a Colônia Federal Lucena. (IBGE)

Por volta de 1903, o povoado já era elevado à categoria de distrito do Município, em decorrência da vinda de outras correntes imigratórias, tais como alemães, rutenos e também poloneses. 

Criou-se a Paróquia de Santo Estanislau, em Paraguaçu em 1901 e o Distrito em 1903, na época ainda fazendo parte do Município de Rio Negro, com a municipalização em 18 de março de 1909, ficando a sede na Colônia Lucena, sendo instalado em 1° de julho de de 1909.

A 1ª câmara municipal foi constituída por: Henrique Köenig, José Wiergenovski, João Reichardt, Mathias Pieczarka, Leonardo Becker, José Pscheidt e Estanislau Procopiak.

Em 7 de setembro de 1917, Santa Catarina entrava na posse efetiva das terras que lhe couberam e o território do município extinto ficou fazendo parte do município catarinense de Mafra, criado à época. Ainda em 1917, pela lei n° 3, de dois de outubro, era criado outra vez o distrito de Itaiópolis, cuja instalação ocorreu em novembro do mesmo ano.

Um ano depois, Itaiópolis conquistou definitivamente sua emancipação, o município foi novamente criado, pela lei estadual n° 1120, de 28 de outubro de 1918 e instalado a 1° de janeiro do ano seguinte. Em 1 de janeiro de 1919, houve a reinstalação do município, que havia sido recriado em 1918 (Lei 1.220).

Em 27 de novembro de 1953, houve a criação da paróquia de Nossa Senhora Imaculada da Medalha Milagrosa, por desmembramento da Paróquia de Santo Estanislau, no Alto Paraguaçú, que já existia desde 1901.

Vários distritos foram compondo o Município, tais como Iracema, Moema, Iraputã, Itaió e, em 1982, foi criado o distrito de Santa Terezinha, que em 1991 foi desmembrado definitivamente de Itaiópolis, elevando-se à categoria de Município.